Prazer na Academia: Eu estava sentada no sofá de minha casa, num dia chuvoso sem muita vontade de ir a academia, mas pensei se eu não for, essa preguiça vai me pegar e eu não faço mais nada o resto do dia. Então peguei minhas coisas, coloquei minha legging mais apertada e meu top o qual eu sabia que atentava mais tesão nos homens quando me olhavam, e tinha um cara na academia que eu queria chamar atenção.

Prazer na Academia

Peguei meu carro e fui. Quando cheguei, ele estava, com aqueles músculos fortes e bem distribuídos naquele 1.90m . Mario era um homem realmente forte e eu me enchia de tesão ao ver ele malhando, fiz um certo charme pra ele e sentei naquelas máquinas pra exercitar o músculo das pernas, onde você abre e fecha as pernas, e fique bem cadela arreganhando minhas pernas pra ele notar, olhava diretamente pra ele mordendo os lábios e fazendo cara de puta, ele captou na hora que eu queria que ele chegasse mais perto de mim.

Ele na hora cedeu aos meus encantos, e fez um sinal para irmos para uma sala mais reservada da academia, lá poderíamos ficar mais a vontade. Ele num ato de carinho me pegou no colo e me levou até a sala. Nessa ida até a sala ele ja foi me tocando por cima da roupa, fazendo com que minha xota ficasse completamente molhada. Nossa sorte é que naquela tarde academia estava um pouco vazia. Quem me olhava no colo daquele homem não entendia nada, ouvi apenas uns murmurinhos de pessoas, mais não dava pra ouvir oque falavam. Para nossa sorte ninguém nos seguiu até a tal sala.

Ao chegarmos ele me colocou no chão, e começou a tirar minha roupa. Eu sentia aquelas mãos grandes passeando no meu corpo com delicadeza. Quando ele tirou minha calça, percebeu que eu ja estava toda molhada de tesão por ele. Ele então abriu bem minhas pernas e se ajoelhou na minha frente, dando aquela chupada espetacular de levar uma mulher ao delírio. E quando eu percebi ele ja estava sem roupa e de pau duro. Me ajeitou ali no chão mesmo e me colocou de 4, abriu meu rabo com as mãos e colocou aquele caralho dentro do meu cu, começou a foder gostoso socando o caralho dentro do meu rabo, eu me segurava pra não gemer alto mas ele estava me fodendo com tanto tesão que as vezes era difícil controlar os gemidos. Então ele veio na minha frente e colocou aquele pau apetitoso na minha boca eu comecei a chupar aquela rola com gosto, babei bastante aquele cacete, e fiz questão que ele coloca-se aquela rola grossa na minha buceta. Isso era bom de mais. Uma tarde que seria monótona em casa acabou me dando muito prazer. Quando ele começou a me foder com vontade e rápido falei que ia gozar, ele gostando do que ouviu começou a foder mais rápido e mais forte. Gozei naquele pau delicioso, minha bucetinha chorava de tão enxarcada e depois ainda ganhei leitinho na boca. Adorei tomar aquela porra quentinha. Quando nos demos conta a tarde ja tinha passado mas foi uma tarde maravilhosa. Nos vestimos novamente e voltamos ao ambiente da academia onde todos treinavam normalmente. Essa tarde vai ficar pra sempre guardada em minha memoria. Uma tarde deliciosa por sinal.